A NephroCare utiliza cookies no site para melhorar a experiência do utilizador e fornecer o melhor serviço possível. Ao continuar a navegar no site, irá concordar com a sua utilização. Para mais detalhes, consulte a nossa política de privacidade.

França

França – uma terra de prazeres sensoriais

Mundialmente conhecida pela sua comida, vinhos, cultura e estilo de vida, não é de admirar que a França seja o país mais visitado do mundo. Todos os anos, cerca de 80 milhões de turistas visitam La République para entrarem no alegre modo de vida gaulesa. A França Continental oferece uma grande variedade de paisagens, sons e cheiros aos visitantes em todas as partes do país - desde os Pirinéus e Côte d'Azur, no sul da costa da Bretanha até ao toque urbano da Île-de-France na região norte. Não esquecendo os Alpes!

A história da revolução

A França tem uma história rica e uma quantidade enorme de coisas a ver e fazer. O lema nacional do país de "Liberté, Égalité, Fraternité" (Liberdade, Igualdade, Fraternidade) tem as suas origens na Revolução Francesa, quando a monarquia foi derrubada e a população se revoltou contra o poder dos aristocratas, latifundiários e Igreja Católica. Depois seguiu-se uma década de guerras napoleónicas, nas quais a França conquistou grande parte da Europa, apenas para ser derrotada em 1815. Hoje em dia, a França orgulha-se do seu estatuto como república, e, no século 20, o país desempenhou um papel importante na criação da ONU e da EU.

Paris – cidade dos sonhos

Paris é o número um do destino turístico a nível mundial, e as maiores atrações turísticas da cidade, como a Torre Eiffel, o Trocadero, o museu de arte do Louvre (a casa de Leonardo de Vinci, autor da Mona Lisa), o Arco do Triunfo e o impressionante Centre Pompidou, ficam a norte do Sena, em La Rive Droite. Para fazer compras - e para ver e ser-se visto - não há lugar melhor que a lendária Avenue des Champs-Élysées, sede de marcas de luxo (Chanel, Dior, Yves Saint Laurent, Louis Vuitton, Cartier, ...). Para o mais recente da moda francesa, as Galeries Lafayette e Printemps na Boulevard Haussmann Nº 9.

Viver como um Parisiense

A sul do rio Sena, na La Rive Gauche, é onde o único e verdadeiro caráter de Paris realmente brilha. Talvez não haja local mais parisiense que a Rue Mouffetard, uma estreita rua pedonal de calçada longa, no Quartier Latin da cidade, forrada por uma seleção infinita de padarias, confeitarias, cafés, restaurantes, lojas de iguarias, tendas de mercado, e lojas independentes altamente especializadas em alimentos.

Sendo um dos segredos mais bem guardados da cidade e surpreendentemente fácil de ignorar, é aqui que os parisienses vêm no dia a dia atender todas as suas necessidades culinárias, desde o biscoito mais elaborado, e caro, até um simples cesto de framboesas franceses suculentas. Pitoresca, porém movimentada e quase impossivelmente pitoresca, não é nenhuma surpresa a rua ter sido usada como um local em filmes franceses como as Trois Couleurs: Bleu, protagonizado por Juliette Binoche.

Mesmo fora de Paris fica o Château de Versailles, um grande palácio que testemunha o poder pré-Revolucionário da monarquia Francesa. Mais histórica ainda é a Basílica de Saint Denis, a norte de Paris, onde está sepultada a santa padroeira do país.

Rural e rústica

A costa norte da França pode estar menos explorada que a sua homóloga do Mediterrâneo, mas possui delícias próprias - como o castelo de conto de fadas no Mont St. Michel, construído sobre um promontório e separado do continente durante a maré alta. Está localizado na região da Normandia, a parte mais próxima da França em relação ao Reino Unido, e conhecida pelas suas casas parcialmente em madeira características e pela produção de cidra. A região também inclui uma série de mosteiros históricos tais como os Jumièges, Gruchet-le-Valasse e a Abadia de Bec.

Mais para oeste fica a Bretanha, onde a paisagem é muito diferente do resto da França, sendo mais semelhante à paisagem do sudoeste da Inglaterra. A costa da Bretanha apresenta falésias dramáticas, bem como pântanos e florestas e mais de 800 ilhas. Os moradores falam a língua celta de Bretão, intimamente relacionada com o Gaulês. A Bretanha está também salpicada com castelos magestosos e belas catedrais Góticas e Românicas, e muitas cidades da região ainda conservam completas as suas fortificações medievais. Os sítios neolíticos testemunham as antigas edificações na região.

Montanhas panorámicas

A França é conhecida pela sua paisagem. Os Alpes franceses são populares entre os esquiadores e snowboarders no inverno e caminhantes no verão, muitos dos quais permanecem na bela cidade de Grenoble ou em resorts como Chamonix, local dos 1ºs Jogos Olímpicos de Inverno, e Annecy na margem norte do Lago Annecy. Aqui irá encontrar alguns dos picos mais altos dos Alpes, como o impressionante Mont-Blanc, a montanha mais alta da Europa. Fazendo fronteira com a Espanha, a cadeia montanhosa dos Pirenéus também oferece amplas oportunidades para caminhadas. A Cidade de Lourdes, nos Pirinéus, no sul da França, é visitada anualmente por milhões de peregrinos, porque se acredita que a água possui propriedades de cura.

Costa do Mediterrâneo

No verão, a parte mais visitada da França é a costa do Mediterrâneo ou Côte d'Azur, assim chamada pelas suas águas azul-turquesas. Parte da região da Provença é o playground dos ricos e famosos e um dos principais destinos do iatismo. As cidades na Côte d'Azur incluem Nice, Cannes - que abriga o festival anual de cinema - e Mónaco, um minúsculo principado e um dos menores países do mundo, que abriga o Casino de Monte Carlo e o prestigioso Grande Prémio do Mónaco. Perto da Córsega, uma ilha no Mar Mediterrâneo, possui mais de 200 praias e sua própria língua. Mais para o interior da região de Provence, a cidade de Avignon tem um centro histórico bem preservado e muralhas medievais, e é um Património Mundial da UNESCO.

Pratos deliciosos

A comida é uma parte extremamente importante da cultura Francesa. A cozinha nacional gira em torno de várias pequenas coisas - o prazer de saborear carnes, sobremesas e queijos picantes. As refeições começam normalmente com um amuse-bouche (aperitivo) e hors d'oeuvre (entradas) - talvez escargots e saborear uma sopa. Depois, é a vez dos pratos principais, geralmente um prato de carne ou vegetais, como coq au vin (frango assado no vinho) ou ratatouille (um ensopado de legumes de Provence). Antes de passar à sobremesa, degustar queijo Francês é uma obrigação. As sobremesas são pequenas e ricas em calorias, e incluem leite creme, eclairs, madalenas, pastéis de nata e crepes.

A NephroCare em França

A Fresenius Medical Care iniciou as suas atividades em França em 1997, sendo o primeiro fornecedor de diálise privado do país. Desde então, a evolução tem sido constante e somos atualmente o único fornecedor de diálise com cobertura nacional. Em todos os nossos centros existe acesso Wi-Fi, os nossos doentes têm acesso a nutricionistas, assistentes sociais e psicólogos.

Tópicos relacionados

Unidades de diálise em França

Informações detalhadas sobre as modalidades oferecidas e os horários das unidades de diálise NephroCare.