A NephroCare utiliza cookies no site para melhorar a experiência do utilizador e fornecer o melhor serviço possível. Ao continuar a navegar no site, irá concordar com a sua utilização. Para mais detalhes, consulte a nossa política de privacidade.

Informação para os doentes

Sempre a melhorar os nossos serviços

Na NephroCare, capacitar os nossos doentes sobre temas-chave relacionados com a doença é um elemento importante da nossa filosofia de cuidados aos doentes. Ao encorajá-los a cuidar melhor deles próprios, podemos contribuir para melhorar os seus resultados clínicos e qualidade de vida.

Este trabalho é resultado de uma equipa de enfermagem dedicada e do contacto diário com o doente: o acompanhamento contínuo, a informação e apoio são indiscutíveis.

Com este objetivo em mente, foi desenvolvido um programa internacional de formação dos doentes, que fornece mais informações aos nossos doentes sobre os seguintes tópicos:

  • Iniciar o tratamento
  • Cuidados a ter com a fístula
  • Nutrição
  • Diabetes

Kit de Acolhimento ao Doente

Quando acolhemos o doente pela primeira vez num centro de diálise NephroCare, há muitas coisas para explicar e discutir.

É importante

  • dar aos doentes a certeza de que, na NephroCare, estão em boas mãos e que iremos cuidar bem deles desde o primeiro dia,
  • explicar exatamente o que acontece durante uma sessão de diálise para reduzir qualquer ansiedade que o doente possa ter,
  • fornecer aos doentes uma visão geral do que eles têm de saber sobre os nossos colaboradores e as nossas instalações.

O nosso Pacote de Apresentação ao Doente ajuda a dar respostas a todas as perguntas ou a quaisquer preocupações sobre a vida com a diálise que novos doentes possam ter.

Para mais informações sobre este tópico, consulte Iniciar o tratamento

Foco em: Cuidados com o Acesso Vascular

Um fator-chave determinante na sobrevivência e qualidade de vida dos doentes em diálise é o seu acesso à diálise, a sua linha de vida.

O objetivo na nossa rede de clínicas é aumentar, sempre que possível, a proporção de doentes com uma fístula nativa, sendo esta a melhor opção de acesso para os doentes em diálise. Mas as fístulas também precisam de cuidados bons e contínuos, seja nos nossos centros por parte de profissionais especializados, seja pelo doente durante a sua vida quotidiana. Gostaríamos de incentivar os nossos doentes a desempenharem um papel ativo nos seus próprios cuidados!

Por este motivo, desenvolvemos um vídeo de formação e um folheto sobre cuidados a ter com a fístula para doentes que explicam de forma simples como cuidar da fístula para prolongar a sua vida útil.

Para mais informações sobre este tópico, consulte Cuidados a ter com o Acesso Vascular

Aconselhamento nutricional para doentes em hemodiálise: Bons Hábitos Alimentares

Na nossa rede de clínicas, o nosso objetivo é que os doentes compreendam como a alimentação afeta o seu estado de saúde, e por que razão têm que adaptar os seus hábitos alimentares, mas não significa que deixarão de desfrutar da comida.

Com cinco sugestões nutricionais importantes, designadas como “As cinco bons hábitos alimentares”, gostaríamos de alcançar uma "mudança de paradigma", o que demonstra que uma alimentação em diálise não é sinónimo de uma longa lista de restrições e limitações, mas sim que algumas simples sugestões podem fazer uma grande diferença. O nosso kit Alimentação e Insuficiência Renal ajuda os doentes a entender e memorizar essas rotinas com facilidade.

Para mais informações sobre este tópico, consulte Bons Hábitos

Dicas de nutrição para doentes diabéticos: Bons Hábitos Alimentares e Diabetes

A diabetes é a principal causa de insuficiência renal. Na verdade, quase um quinto de todos os doentes em diálise precisa de diálise como resultado da doença renal associada à diabetes. Habitualmente, estes doentes já têm um plano alimentar dedicado e know-how suficiente para lidarem com suas injeções de insulina relacionadas com os hidratos de carbono que ingerem.

Na realidade, a alimentação para diabéticos segue principalmente as recomendações para doentes em diálise, com restrições em relação aos alimentos que contêm grandes quantidades de sódio, líquidos, potássio e fósforo. Por conseguinte, as cinco boas rotinas alimentares são válidas, mas existem algumas diferenças cruciais para os diabéticos que estes têm de seguir.

Para mais informações sobre este tópico, consulte Diabetes e Bons Hábitos Alimentares

A revista do doente “NephroCare for me”

Devido à evolução da educação, os doentes podem compreender melhor a sua situação clínica, assumir a responsabilidade e saber como o seu próprio comportamento influencia a sua doença.

Em muitos países, a NephroCare publica uma revista bianual para doentes chamada "NephroCare for me", que apresenta artigos interessantes e informativos sobre uma variedade de temas que são de interesse para os doentes, familiares ou amigos. Aqui, encontrarão histórias esclarecedoras dos doentes e funcionários, bem como informações importantes relativas à sua vida com diálise.