A NephroCare utiliza cookies no site para melhorar a experiência do utilizador e fornecer o melhor serviço possível. Ao continuar a navegar no site, irá concordar com a sua utilização. Para mais detalhes, consulte a nossa política de privacidade.

Rússia

A arrebatadora Rússia

Estendendo-se entre a Europa e a Ásia, a Rússia, hoje conhecida oficialmente como Federação Russa, é um país diversificado, com uma pitoresca mistura de culturas e hábitos naturais, e é o maior país do mundo em termos de massa terrestre.

A Rússia é um lugar fascinante. Não só devido à sua empolgante e, ocasionalmente, tumultuosa história política e social, mais recentemente a transição do comunismo para uma democracia federal, mas também às suas agitadas cidades, repletas de história e cultura, e paisagens inspiradoras que refletem o melhor da natureza. Comecemos uma viagem pela terra que outrora inspirou Tolstoi e Dostoievsky, e nos ofereceu o ballet moderno e sinfonias de classe mundial.

Moscovo urbana

Para muitos estrangeiros, a cosmopolita Moscovo, a maior cidade da Rússia, é o epítome da influência do Ocidente. Lojas luxuosas, paisagens urbanas, atrações famosas – a cidade abastada do rio Moskva oferece atividades de lazer e cultura ilimitadas, e é uma das cidades com o custo de vida mais elevado no mundo.

Em particular, o histórico Kremlin, que significa "fortaleza", influencia o ambiente e a aparência da cidade. Imponente e vigoroso no coração da cidade, o grandioso complexo foi construído entre 1482 e 1495 e teve vários propósitos ao longo da história, incluindo ser a residência do czar e a casa dos líderes soviéticos. Hoje é a residência oficial do presidente da Federação Russa.

Beleza báltica

São Petersburgo, que deve o seu nome ao czar Pedro, o Grande, é uma cidade no mar Báltico com uma identidade aparentemente em constante mudança. Apenas no século XX, ficou conhecida por três nomes: São Petersburgo (antes de 1914 e depois de 1991), Petrogrado (entre 1914 e 1924) e Leninegrado (entre 1924 e 1991).

A cidade de São Petersburgo dos nossos dias, população 5,1 milhões, é um local animado e verdejante. Na realidade, as suas longas listas de parques e jardins – históricos e novos – conferem-lhe o título de cidade mais verde da Rússia. Um destaque especial nesta grande cidade é o Museu Hermitage, que acolhe uma das maiores e mais antigas coleções de arte e cultura do mundo.

Sabia que...? 
Património mundial: A Rússia conta com um total de 23 locais classificados como Património Mundial da UNESCO, incluindo o Kremlin e a Praça Vermelho, em Moscovo, todo o centro histórico de São Petersburgo e a região ocidental do Cáucaso.

Ligações ocidentais: 
No ponto mais próximo, separados apenas pelo estreito de Bering, a Rússia e os Estados Unidos, ou mais precisamente, o estado do Alasca, estão a uma distância de apenas 85 quilómetros! Há milhares de anos, os dois continentes estavam ligados neste ponto por uma ponte terrestre. Na verdade, o Alasca pertencia à Rússia antes de os EUA o terem comprado em 1867.

O mais alto da Europa? 
Com uma altura estimada de 5642 metros, o monte Elbrus está localizado na Europa, e não na Ásia - um ponto de discórdia antigo - supera a altura de 4810,45 metros do monte Branco e conquista o título de pico mais alto da Europa.

Escapadinha pelo campo

Em claro contraste com os vibrantes centros urbanos, deparamo-nos com os mil quilómetros quadrados de paisagens rurais da Rússia. A famosa linha ferroviária transiberiana, uma rede de comboios que liga Moscovo à Rússia Oriental, percorre a área rural da Rússia. A linha ferroviária, que é utilizada para o transporte de mercadorias e passageiros, é a mais longa do mundo. É possível escolher entre três rotas e a mais famosa é, sem dúvida, a rota de 9258 quilómetros ou 6 dias desde Moscovo até Vladivostok, no mar do Japão!

Vestígios vulcânicos

Na região ocidental da cordilheira do Cáucaso, junto à fronteira entre a Rússia e a Geórgia, todas as atenções estão voltadas para o monte Elbrus. Esta imponente montanha, tecnicamente um vulcão adormecido, tem uma altura de 5642 metros, o que a torna a 10.ª montanha mais alta do mundo. Todos os anos em julho e agosto, alpinistas internacionais chegam em massa para subir ao cume – um feito que requer anos de treino e preparação e demora cerca de uma semana a concluir.

O lago que bate recordes

Poderíamos usar muitos superlativos para descrever o lago Baikal - é simultaneamente o lago mais antigo e mais profundo do mundo, além de ser o maior reservatório de água doce do mundo. Segundo várias opiniões, é também o lago com a água mais límpida. Localizada na Sibéria, na região central da Rússia, 445 metros acima do nível do mar, esta massa de água está rodeada por montanhas de todos os lados. O lago tem 22 ilhas, a maior das quais, Olkhon, tem uns fantásticos 72 quilómetros de comprimento e 21 quilómetros de largura. 

Há vários fenómenos naturais únicos inerentes ao lago Baikal. Por exemplo, o chamado cintilar do Baikal, um brilho especial do lago sob a luz do sol que apenas ocorre quando a água está totalmente calma. A forma como a luz reflete na água faz lembrar vidro fundido. Além disso, o lago é afetado pelas marés, apesar de o fluxo e refluxo não serem tão dramáticos como os dos oceanos.

Férias na Rússia – é possível com a NephroCare

A NephroCare tem uma forte presença na Rússia Ocidental. Teremos todo o prazer em recebê-lo e realizar as suas sessões de diálise, seja qual for o centro mais próximo Deixe a sua vida quotidiana para trás e dedique algum tempo a descobrir novos e empolgantes lugares.

Tópicos relacionados

Centros de Diálise

Encontre as unidades de diálise perto de si.